Mestre Zumbi será o presidente da bateria Swing Puro da Acadêmicos de Vigário Geral - Portal do Samba

Últimas Postagens

Portal do Samba

Portal do Samba - Carnaval todo dia!

02/01/2019

Mestre Zumbi será o presidente da bateria Swing Puro da Acadêmicos de Vigário Geral




A diretoria da Acadêmicos de Vigário Geral, que desfilará pela Série B no Carnaval de 2019, acaba de anunciar a contratação de mestre Zumbi como o novo presidente da bateria Swing Puro. Com passagem por diversas agremiações, Zumbi chega para dar suporte ao atual mestre de bateria da azul, vermelho e branco da Zona Norte, Fernando, e sua diretoria, para juntos conquistarem as notas máximas no próximo desfile na Intendente Magalhães.

Ele iniciou sua trajetória no samba na escola mirim da Caprichosos de Pilares, a Inocentes da Caprichosos. 
Segundo ele, começou como diretor de bateria e, em 2007, passou a ser mestre de bateria da Caprichosos de Pilares, onde permaneceu até o Carnaval de 2011.

"Sempre conquistei as notas máximas na Caprichosos de Pilares. Em 2011, fui para a Em Cima da Hora onde havia um projeto grandioso. Em 2014, com ajuda da equipe, conseguimos levar a escola à Série A, onde comandei a bateria no grandioso enredo reeditado "Os Sertões". Em 2015, fui para a Unidos de Bangu, escola que estava há 30 anos sem desfilar na Sapucaí, e comandei a bateria Caldeirão da Zona Oeste. Em 2018, na Série B, retornamos com a Unidos de Bangu para a Sapucaí. Depois que a escola subiu, me desliguei e fiquei um ano descansando até que fui convidado para comandar os ritmistas da Difícil é o Nome, para o desfile de 2019. Estamos com grandes profissionais para realizarmos um grande desfile. 
Fui convidado também para ser o presidente do Imperadores Rubro Negro, da Série D, que será um grande desafio", acrescentou.  
Com experiência no comando de ritmistas e focado nas notas máximas, Zumbi foi convidado para ser o presidente da bateria da Acadêmicos de Vigário Geral. Ele ficou surpreso e emocionado ao receber o convite para fazer parte da equipe, já que destacou ser a Vigário Geral, segundo ele, uma escola tradicionalíssima do Carnaval carioca.
"Espero realizar um trabalho grandioso com a comunidade guerreira e buscar as notas máximas para ajudar a escola a brigar pelo título em 2019. 

Vamos lutar para levar a Acadêmicos de Vigário Geral para a Sapucaí. Nosso trabalho será focado em apresentar uma bateria estruturada, versátil e aguerrida para o desfile na Intendente Magalhães. O mestre de bateria da escola, Fernando, um garoto apaixonado pelo samba, terá todo o meu suporte para junto com sua diretoria, ritmistas e apoio, realizar um grande trabalho à frente da escola", destacou.  

Zumbi acrescentou que a escola tem um samba-enredo grandioso, destacando que enredos afros têm tudo a ver com o seu trabalho. "O enredo é maravilhoso e vamos trabalhar com dedicação para conquistarmos o título. Os ensaios serão realizados em breve, vamos divulgar nosso calendário no início de 2019, mas posso adiantar que ainda há vagas para quem desejar fazer parte da Swing Puro. Estou muito feliz e agradeço toda diretoria da escola e também a nossa presidente Betinha, pelo convite", finalizou.

No Carnaval de 2019, a Acadêmicos de Vigário Geral, décima-primeira a desfilar na Intendente Magalhães, apresentará o enredo "Mwene Kongo - O Reino Europeu na África que se tornou folclore no Brasil", desenvolvido pelos carnavalescos Alexandre Costa, Lino Salles Marcus do Val.

Nenhum comentário:

Postar um comentário