Grande Rio

Emerson Dias recebe título de ‘Cidadão Duquecaxiense’



Se preparando para seu 15° ano na Acadêmicos do Grande Rio, intérprete é agraciado com comenda na Câmara Municipal de Duque de Caxias

Na noite da última quarta-feira, dia 3 de junho, Emerson Dias viveu uma experiência diferente das costumeiras sensações já vividas como intérprete. Na Câmara Municipal de Duque de Caxias, ele recebeu o título de “Cidadão Duquecaxiense”, uma homenagem da casa aos serviços prestados por Emerson ao Acadêmicos do Grande Rio e ao município. O cantor se prepara para seu 15° carnaval na agremiação de Duque de Caxias, o terceiro como intérprete oficial da escola.

Durante a cerimônia, o carioca Emerson se emocionou ao receber o título das mãos do vereador Chiquinho Caipira. No encerramento, junto com a bateria da Grande Rio, Emerson comandou a festa, cantando o samba que a escola levou à avenida em 2015. "Fiquei muito feliz com essa homenagem. A Grande Rio leva o nome de Caxias para o mundo, e fazer parte disso é muito legal. Defendo com todas minhas forças o pavilhão da escola, e ser a voz oficial de toda a população da cidade durante o desfile da Grande Rio me enche de orgulho", afirmou o intérprete.

Principal comenda da cidade, o título de “Cidadão Duquecaxiense” é entregue a todas as pessoas que não nasceram em Duque de Caxias, mas que adoraram o município, trabalhando na promoção e na melhoria da cidade. Ainda no evento, o casal de coreógrafos Priscilla Mota e Rodrigo Negri, o mestre de bateria Thiago Diogo e o carnavalesco Fábio Ricardo, todos da Grande Rio, além de outras personalidades da escola, também receberam o título.

Sobre Emerson Dias


Influenciado por seu tio, o também intérprete Celino Dias, Emerson Dias estreou no carnaval em 1992, defendendo samba no Acadêmicos do Salgueiro. Integrou o carro de som da escola tijucana até o ano 2000, quando foi convidado por Quinho para transferir-se para a Acadêmicos do Grande Rio. Na tricolor da Baixada Fluminense, conciliou, em 2002, seu primeiro trabalho como intérprete oficial de uma escola de samba, com a Inocentes da Baixada, hoje Inocentes de Belford Roxo. Nos carnavais de 2011 e 2012, participou também do carnaval do Rio Grande do Sul, defendendo, respectivamente, o Acadêmicos de São Miguel e a Imperatriz Dona Leopoldina. Em 2013, assumiu o posto de intérprete oficial da Grande Rio, ao lado de Nego. Em 2014, porém, o microfone principal passou a ser só seu, e no mesmo ano Emerson Dias foi premiado com o Estandarte de Ouro, como Melhor Intérprete do Grupo Especial do carnaval carioca. 

Sobre Portal do Samba

Tecnologia do Blogger.