Caprichosos de Pilares

CAPRICHOSOS QUER SAMBA IRREVERENTE PARA O CARNAVAL 2016



FOTO: EDUARDO HOLLANDA

Uma escola que busca mostrar sua personalidade histórica independente do enredo. Este é uma dos objetivos da Caprichosos de Pilares para 2016. Depois de um desfile muito bom em 2015, a azul e branca quer manter a boa fase investindo em seu traço mais marcante: a irreverência. Este foi o principal pedido na reunião realizada com os compositores na noite desta terça-feira. O encontro marcou a entrega da sinopse do enredo ‘’Tem gringo no Samba’’.

- Foquem bastante nesse lado irreverente da Caprichosos. Peço que ‘’perturbem’’ bastante o Amauri (Santos, carnavalesco), ele terá um mês para tirar dúvidas e esse contato é muito importante. Estamos fazendo a nossa parte e precisamos de vocês. Um bom samba nos fará dar um ótimo pontapé inicial rumo ao sucesso no carnaval – pediu Gilberto Nilo, presidente da Caprichosos.

Na próxima segunda-feira, dia 08 de junho, a partir das 20h, haverá um novo encontro entre compositores e a direção da escola para definir alguns detalhes da disputa de samba. Estão marcados outros três encontros – 15, 22 e 29 de junho - para esclarecimento de dúvidas das parcerias, sempre com início às 20h. Cada parceria poderá ter cinco compositores no máximo e as participações especiais estão vetadas. 

A entrega dos sambas acontece no dia 09 de julho, das 20h às 22h. Cada parceria deverá entregar cinco CD´s com a gravação do samba e 30 cópias com a letra impressa. A apresentação das obras, ainda sem cortes, está marcada para 16 de julho, a partir das 21h. A grande final de samba-enredo está prevista para o dia 28 de agosto. 

A sinopse do enredo foi produzida pelo carnavalesco Amauri Santos em conjunto com o departamento cultural da Caprichosos de Pilares. Ele fez uma breve dissertação do tema após a leitura do texto-base do enredo.

-  Queremos dar prosseguimento ao que a escola fez ano passado. Desenvolvemos uma forma de falar dos gringos que trouxeram sua arte para o Brasil. Mesmo a sinopse não estando tão irreverente, porque precisávamos contar uma história, pedimos exatamente essa irreverência. Não vale muito a pena falar do Petkovic ligado a clubes. Vamos dar ênfase a arte de jogar bola dele e as paixões que ele tem. O samba precisa estar muito alinhado com a parte artística. Já tive casos aqui na Caprichosos de termos sambas 80% ótimos, mas que havia 20% que não tinha nada a ver com o enredo. Então precisamos ter atenção com isso – ponderou. 

Uma das novidades do carnaval da Caprichosos em 2016 é a aquisição da dupla Moisés Santiago e Roni Jorge para a direção de carnaval. Enquanto Roni ficará mais ligado a parte artística, o consagrado compositor Moisés Santiago se atentará ao campo musical. Finalista da escola na disputa do ano passado, ele pediu apreço aos poetas na hora da criação e da execução.

- Além de tudo o que já foi pedido, gostaria que tivessem muito cuidado com a qualidade da composição. Vamos caprichar nas terminações, rimas, refrãos e na cabeça do samba. É importante criarmos uma poesia bonita e agradável. Não podemos perder essa qualidade que faz parte da história da Caprichosos. É muito importante também uma boa gravação e um bom cantor. É óbvio que sabemos da realidade financeira de vocês, mas tenham cuidado com isso. Não adianta fazer um bom samba e não apresentá-lo de forma correta – pediu.

A Caprichosos de Pilares tentará voltar ao Grupo Especial em 2016 sendo a quinta agremiação a entrar na Avenida no sábado de folia. 






Sobre Portal do Samba

Tecnologia do Blogger.