Carnaval 2016

COREÓGRAFO MÁRCIO MOURA DEIXA A PORTO DA PEDRA

                      

Um feliz e bem sucedido casamento que durou três Carnavais chegou ao fim. O coreógrafo Márcio Moura, responsável pela comissão de frente da Porto da Pedra nos anos de 2013, 2014 e 2015, desligou-se da agremiação na noite desta sexta-feira. 

Desempenhando múltiplas atividades, além da responsabilidade em coreografar um dos segmentos mais esperados das apresentações das escolas de samba, Márcio, que também é ator e diretor teatral, está em cartaz com uma das montagens da companhia Etcetal , da qual é gestor.

Elogiado pela crítica em sua passagem pela vermelho e branco de São Gonçalo, o coreógrafo encerra o ciclo na Porto da Pedra em busca de alcançar novos desafios dentro de sua carreira no Carnaval. Com passagens pela Viradouro, Rocinha, Portela e, mais recentemente Vila Isabel, onde coreografou alas e alegorias, Márcio Moura irá anunciar, em breve, seus novos projetos para a folia visando o desfile de 2016. 

Segue abaixo, carta aberta do profissional. 

Queridos amigos da Porto da Pedra. Antes de tudo preciso agradecer . Nesses três anos em que estive na escola, defendendo o quesito comissão de frente só conquistei amigos. E foram inúmeros! Cada um dessa incrível comunidade, me incentivou a fazer meu trabalho da melhor maneira possível . 

Foram 3 anos contribuindo com a pontuação máxima para a agremiação. Hoje me despeço com um até logo. Ansioso em poder revê-los em outra oportunidade, em um outro momento. 

Obrigado a todos aqueles que abraçaram meus projetos. Que me ajudaram direta ou indiretamente. Aos carnavalescos Leandro Valente e Wagner Goncalves, ao diretor de carnaval Paulo Brandão, a toda equipe da harmonia representada pelo amigo Amauri Oliveira. À velha-guarda, baianas, Thaís, Zé Roberto, Cintia e Rodrigo, lindos casais na defesa desse pavilhão; ao Giliard, grande artista e responsável pela premiadíssima ala de passistas; aos mestres Celinho e Barrão que, em períodos diferentes, estiveram à frente da bateria; ao Anderson Paz , amigo de longa data que pude reencontrar; Joci e Godzila; e por fim, ao presidente Fábio Montibelo que devolveu a dignidade dessa comunidade vitoriosa e a quem desejo toda sorte do mundo. 

Chegou o momento de trilhar outros caminhos, abrir novas portas e esperar que Deus continue abençoando minha vida e meus projetos . E que o futuro me presenteie com lindas e grandiosas experiências .

Att. Márcio Moura, coreógrafo.

Sobre Portal do Samba

Tecnologia do Blogger.